fbpx
2013 banner

O 22° Concurso Africano de Julgamento Fictício sobre Direitos Humanos terá lugar na University of the Western Cape, South Africa de 2-7 de Setembro 2012

Estudantes, académicos e juízes de toda a África são convidados a participar.

Todas as Faculdades em África foram convidadas a enviar um representante da faculdade que trabalhe na área de direitos humanos (director ou qualquer outro docente), que servirá como juiz nas sessões preliminares, e dois estudantes da licenciatura ( de preferência um homem e uma mulher) que constituirão a equipa que representará a Universidade no Julgamento Fictício.

A cobertura da mídia:

Documentos importantes:

Sobre a Competição

O Concurso Africano de Julgamento Fictício tornou-se no maior evento anual que reúne estudantes e professores de direito. Criado em 1992, 1093 equipas de 139 universidades, representando 48 países Africanos, participaram ao longo dos 20 anos neste evento único no calendário universitário e dos Direitos Humanos do continente.

A Competição tem como objectivo preparar a nova geração de juristas para defender casos de alegadas violações de direitos humanos perante o recém-constituído Tribunal Africano de Direitos Humanos e dos Povos, que está operacional desde 2008. O Programa é organizado a cada ano pelo Centro de Direitos Humanos, em colaboração com uma faculdade de direito no país anfitrião no continente.

  • Premium
  • Standard Compliant Channels
  • $100
  • Completely synergize resource taxing relationships via premier market
  • 10 GB of space
  • Support at $15/hour
  • Sign Up
2013 banner

O 22° Concurso Africano de Julgamento Fictício sobre Direitos Humanos terá lugar na University of the Western Cape, South Africa de 2-7 de Setembro 2012

Estudantes, académicos e juízes de toda a África são convidados a participar.

Todas as Faculdades em África foram convidadas a enviar um representante da faculdade que trabalhe na área de direitos humanos (director ou qualquer outro docente), que servirá como juiz nas sessões preliminares, e dois estudantes da licenciatura ( de preferência um homem e uma mulher) que constituirão a equipa que representará a Universidade no Julgamento Fictício.

A cobertura da mídia:

Documentos importantes:

Sobre a Competição

O Concurso Africano de Julgamento Fictício tornou-se no maior evento anual que reúne estudantes e professores de direito. Criado em 1992, 1093 equipas de 139 universidades, representando 48 países Africanos, participaram ao longo dos 20 anos neste evento único no calendário universitário e dos Direitos Humanos do continente.

A Competição tem como objectivo preparar a nova geração de juristas para defender casos de alegadas violações de direitos humanos perante o recém-constituído Tribunal Africano de Direitos Humanos e dos Povos, que está operacional desde 2008. O Programa é organizado a cada ano pelo Centro de Direitos Humanos, em colaboração com uma faculdade de direito no país anfitrião no continente.